Nó Cego e Bengala de Cego

quinta-feira, 23 de abril de 2009

Sequestro de mim



Um dia me deu um click
Foi quando começei a pensar na vida
Nas minhas escolhas, na vida vivida
Nos meus sentimentos, nos meus desalentos
Será que um dia fiz algo só para mim
Pensei e pensei e cheguei a conclusão
Que de tanto fazer e fazer para os outros
Esqueci que eu também precisava de um pouco
Um pouco de amor, de compreensão, de ilusão
E o tempo passou e eu não conseguia enxergar
Porque de uma hora para outra pareceu que o tempo parou
Foi assim que meu corpo parou e se recusou a dar mais um passo
Minha cabeça queria mas meu corpo não obedecia
Isto foi um click da minha paciência
Que de uma hora para outra se esgotou
Transbordou, e alagou a minha mente
E me deixou assim tão inerte e impaciênte
Com raiva do mundo e de mim mesma
Porque ser tantas outras se não pude ser eu mesma
E agora o que fazer para as coisas se acertarem
Mudar a vida, de planeta, de cidade
Ou começar a pensar em fazer coisas para mim
Quem sabe eu ainda possa cantar
Ou fazer uma caixa de madeira
Coisas tão bobas e tão pequenas
Que não me dava o direito de faze-las
Sei que preciso me resgatar deste sequestro
Me sequestrei de mim mesma
E agora quero a liberdade para escolher
Como, onde, com quem e porque fazer
Se for para me deixar feliz eu irei
Se for para o meu bem eu farei
Só quero fazer minhas escolhas
Por mim, e não mais por ninguém.

livefyre

JOGUINHO DAS BOLINHAS

Para se cadastrar no shoutbox

Esta é a URL no seu shoutbox:
http://NoeBengala.freeshoutbox.net/
Dar este endereço para seus amigos e começar a conversar

Shoutbox