Nó Cego e Bengala de Cego

segunda-feira, 9 de agosto de 2010

DESEJO



Desejo é o que tenho quando te vejo
E que está muito além do amor que padeço
Ao notar você do outro lado do meu vilarejo
E que está distante do que mereço.
Desejo estar contigo onde estás agora
E os meus lábios nos teus roçar
Num beijo suave e leve como a aurora
Saciando, assim, minha vontade de te abraçar.
O teu corpo sempre quero aspirar,
O meu olhar espera ancioso o teu olhar
Fazendo as minhas meninas com as suas encontrar
Numa união de puro amor se moldar.
Não havendo desejo não haverá amor.
Ele nos dá a carga elétrica preciosa
E necessária para num num brevíssimo momento esfriar o fervor
Que carregamos em nós numa sensação bela e deliciosa
A pós o relaxamento natural e confortador
Em que só sussurros são ouvidos como uma canção melodiosa
Do roçar dos corpos unidos com prazer e calor
Desejo precisamos sempre ter
Para que o amor seja predominante
Em nossa relação com o outro amado ser
Deixando prever real felicidade no horizonte
Onde está o CRIADOR, basta no amor crer.

Acyr Gomes
Do roçar dos corpos que se unem com prazer e calor.

livefyre

JOGUINHO DAS BOLINHAS

Para se cadastrar no shoutbox

Esta é a URL no seu shoutbox:
http://NoeBengala.freeshoutbox.net/
Dar este endereço para seus amigos e começar a conversar

Shoutbox