Nó Cego e Bengala de Cego

segunda-feira, 30 de novembro de 2009

CORAÇÃO BANDIDO



eu tenho um coração
desleal e traiçoeiro
ele não acata o que penso
não obedece a razão
me faz sofrer por emoções
diferentes da razão
enquanto minha mente esquece
o meu coração enlouquece
faz crescer o sentimento
e até parece que enobrece
é de fato um coração bandido
tem horas que se aquece
tudo é lindo e maravilhoso
tem hora que endurece
e quer o amor esquecer
mas o que acabo concluindo
que nada interfere no amor
nem razão ou querer
o coração é quem manda
e na razão manda tb
mesmo sendo desprezado
sentindo não ser correspondido
ele se deixa levar
por qlq amor bandido
foi assim no BBB7.
curei e me recuperei
foi num amor mexicano
que dele já olvidei
no BBB9 escorreguei
quase pelo mesmo caminho
mas como gato escaldado
fui prudente e escapei
não me entreguei ao argentino
e esse amor evitei
mas há quem nele caiu
e hoje sofre amarguras
de um coração partido
sentido e ressentido
a espera de solução
ou então de outro alguém
que lhe ocupe o coração!

Quem nunca comeu melado.......



Quem nunca comeu melado
ao comer não sabe como faz
fica muito lambuzado
causando problemas, não satisfaz.
Vivendo em Maricá
saiu de lá um marícas para enganar.
Durante um bom tempo enganou donzelas.
Com roupas lavadas e passadas
morava e comia nas casas delas
não se importando com as pessoas lesadas.
Fazia bonecos com massinhas
os quais vendia a dez reais.
Com seu estilo enganava também as vizinhas,
nesta vida de tapear pessoas legais.
Anos a fio estudou o bbb
ajudado pelos fraternos
com sua magia de Saci-Pererê
enchia os olhos dos subalternos.
Por coisa que só Deus entende
surgiu nesta estrada cheia de armadilha
uma mulher supreendente
que caíu no covil desta matilha.
Com seu amor e dedicação
tentou vencer com força e coragem
esta tremenda armação,
mas o mal tinha muita bagagem.
Os fãs, verdadeiros fãs, fizeram por onde
de elevar este ser generoso
tentando mostrar que o tal, era um bonde.
Bonde carregando nos seus estribos
família e amigos onde
formavam várias tribos.
Sabemos que Deus é fiel
e temos certeza que com sua luz sublime
irá combater estes que estilam fel
fazendo vitoriosa a maravilhosa Francine.
Prá terminar vale lembrar
que a todos pode-se enganar por um tempo.
Alguns todo tempo o engano pode triunfar,
mas é impossível todos a todo tempo ao engano levar

Acyr Gomes

domingo, 29 de novembro de 2009

Minha idade


Muita correspondência é trocada
por este meio fabuloso de comunicação
ao qual resolvemos de forma geral ordenada
assuntos que anos atrás não tinha solução.
Usamos a internet pelo ar, terra e mar
numa confusão de idiomas e assuntos
que nos obriga a procurar e informar
com a união de adjuntos
problemas que nos aparece para solucionar.
Há poucos dias minha idade foi indagada.
Procurei responder com a seguinte tacada...
Minha idade é de um bebê,
das primeiras viradas na cama,
indo pegar sei lá o que
deixando a sorrir minha ama.
Me vejo, agora, na idade
de aprender o primeiro passo.
Calçando sapatos da mocidade
vou mostrando tudo que faço.
Primeiro dia de aula na escola
é a idade que tenho agora
e presente prá titia de maçã, já não cola.
Uniforme então, tô fora.
Conquistar a primeira namorada
é o momento da idade que tenho agora,
onde todo cuidado é pouco prá não dar furada,
com a mina que tem o nome de Dora.
O primeiro beijo gosto de recordar.
Bem escondidinho da galera, lembro com emoção
aquele ósculo dado ao avançar
o espaço dela cheio de proteção.
Faculdade e trabalho chegam de repente.
É a idade que agora venho
encarando com vontade e de frente
esta fase que orgulho tenho.
No altar espero minha amada
Trazida pelo pai, que tigrão,
e esta idade séria e bem formada
encaro com muita paixão.
O rebento chegou prá alegria geral,
e a idade que agora curto
torna-me responsável e com muito moral
cuido da família como homem sem surto.
A minha idade, agora, é a de levar o filho ao esporte
mostrando-lhe o caminho a seguir
e esperando com grande dose de sorte
seu crescimento honrado adquirir.
O neto chega com meus cabelos já brancos,
ajudando no início da sua caminhada de esperança.
Nesta idade me encontro procurando bancos
prá meu retiro, já perdendo a liderança.
Minha idade agora é de pensar
nos assuntos que resolvi e naqueles não,
e sentado na cadeira de balançat
leio o livro CEM ANOS DE SOLIDÃO.
Minha idade...

Acyr Gomes

Mesmice




a tolerância é uma arte
se pratica qdo necessária
e não pode ter prazo
prazo de validade
me surpreende qdo alguém
num curto prazo anuncia
da gente ter desistido
por não gostar do que lêem
e do que postam e o que dizem
que os assuntos são repetidos
e que há gente mal educada
gente vamos com calma
cada cabeça é uma sentença
e são diversos os modos de ser
é a tal da diversidade
é o que torna a vida atraente
pensem se fossemos iguais
e se pensássemos da mesma forma
a mesmice que seria
ai não teríamos o que ler
nem sequer o que debater
imperaria a monotonia
porque tudo seria óbvio
coincidiriam os pensamentos
e todos quem sabe
gostariam do amarelo
aliás pra meu desgosto
porque não fico bem
com essa cor



sábado, 28 de novembro de 2009

A GATOLÂNDIA


Um trabalhador, marcador de luz, foi cumprir sua obrigação.
Desta vez foi escalado para ir à Maricá.
Chegando ao destino procurou o relógio para marcação.
Não encontrando indagou a dona que morava lá:
Onde se encontra o registro que marca o consumo de luz?
Com as pernas bambas respondeu:
Nesta casa nunca teve registro, fazendo o sinal da cruz.
Respondeu-lhe o fiscal: A Sra. se fodeu.
Não é possível isto, eu sou mãe do pato,
meu filho é o campeão
e nós não fazemos GATO,
somos gente honesta e não fazemos trapaça.
Vou telefonar ao meu chefe prá saber como agir,
a senhora não deve mexer em nada sem uma autorização,
e não pense em fugir
pois isto é caso de prisão.
Isto tá parecendo mesmo GATO.
GATO paga multa muito pesada,
e quem vai pagar o pato
desta grande enrascada?
A sra. ficará sem luz e não vai ver as novelas.
Os vizinhos vendo a confusão que tava dando
trouxeram caixas de velas,
procurando ajudar aquele bando.
Bando de gente sem qualquer piedade
que só pensa em levar vantagem
sobre pessoas de grande lealdade
que não vivem de chantagem.
A justiça de Deus é de grande porte,
age com muito amor e brandura
evitando com pulso forte
a aproximação desta família da treva, com a FOFURA.

Acyr Gomes

Codinome



o que vou narrar
muita gente já viveu
ou já viu ocorrer
tinha eu uma vizinha
não a conheci e nem sei o nome
só de codinome ou apelido
era chamada Dona Flor
em comparação a de Jorge Amado
porque vivia amancebada com dois maridos
um embarcadiço e gringo
que qdo aki chegava
renovava toda a frota
se a TV era usada
lixo pra ela e comprava uma nova
a de ultimo tipo e marca
com todos os recursos possíveis
o outro era o Brutus
pela sua semelhança
ao rival de Popeye
o Brutus era um duro
mas das mordomais usufruía
qdo o titular embarcava
tudo isso não me surpreende
e até respeito os acordos
viviam lá os três
e se tudo dava certo
eram desse jeito felizes
nada tenho a me meter
mas essa história lembrei
ao ver as fotos de churrascos
na tal mansão rosácea
Dona Flor era uma emergente
saiu dos porões da vida
para uma casa assobradada
isso era muito natural
e um direito de cada um
de sua vida melhorar
mas no inicio da nova vida
muita coisa a deslumbrou
convenceu o Popeye
a uma piscina lhe dar
e o prazo de construção era mínimo
pois a queria inaugurar
assim que o ano rompesse
e com homens a todo vapor
a terra esburacou
assentada piscina
todo o povo se deslumbrou
não podia ter um dia de sol
mesmo fora de fim de semana
que toda a família para lá se dirigia
eram tais as reuniões
de dar alergia em Caco Antibes

sexta-feira, 27 de novembro de 2009

Palavras... Palavras... Nada mais que PALAVRAS...


“A palavra é metade de quem a pronuncia e metade de quem a ouve.” (Michel Montaigne)

O grande arquiteto do universo, em sua suprema sabedoria, disse: “O mal não é o que entra na boca do homem, mas o que sai de sua boca.” As palavras são poderosos instrumentos e podemos usá-las de diferentes formas, colocando em movimento a energia criada em nossa mente. Por isso, todo cuidado é pouco quando declaramos alguma coisa, pois somos responsáveis por tudo que falamos e, principalmente, COMO falamos. Isso significa que precisamos ter tranquilidade mental para que possamos usar as palavras com sensatez. A força do nosso pensamento é inegável, mas a palavra tem o poder realizador. Portanto, se temos conhecimento da importância do uso das palavras, mas não somos capazes de ter controle sobre os nossos impulsos, esses conhecimentos valem para quê?

As palavras têm peso e podem causar sérias conseqüências em nossas vidas e na vida de outras pessoas. Elas podem abençoar ou causar graves julgamentos. Palavras têm poder: harmonizam ou destroem, acalmam ou revoltam, levantam ou derrubam, encantam ou desencantam, reconciliam ou separam. Palavras exigem cuidados, nunca a impetuosidade, pois com o primeiro pode-se evitar estragos, enquanto que com o segundo pode-se gerar atritos e desentendimentos.

Quando as palavras são ditas cara a cara, olho no olho, tudo se torna muito diferente, pois podemos ler a expressão fisionômica, analisar o gestual, ver o brilho do olhar e qualquer situação torna-se mais clara, mais fácil de avaliar. Ao escrever, temos de ter um cuidado maior, pois não contamos com as características da oralidade. “Quem escreve deve saber que suas criações não são mais suas, mas de quem as lê.” (Claudia Letti) Palavras, quando faladas, o vento leva. Já as escritas...

Nossas palavras, concordantes ou discordantes, direito de cada cidadão, devem ser ditas (ou escritas) com o sentimento primeiro de desejar o entendimento. Se bem expressadas, certamente nos conduzirão à harmonia. Quando não, podem nos levar à depenação: “Preciso manter a minha identidade olfativa em sigilo”, “Não é nada disso, apenas acho que não preciso namorar para ter respeito por uma pessoa”, “A inação é tão importante quanto a ação!” , “Continue assim, babe!... Muitos optam pelo caminho em linha reta... eu sempre gostei de seguir pelo sinuoso!...” AFF... como dizem as ceguetas, vou ali vomitar, palavra de honra! E para terminar, “Nunca tive pressa porque sempre soube que eu vim a este mundo para dar certo, tenho um longo caminho pela frente e tudo isso é só o começo!” Da...

Q

U

E

D

A!!!

Tenho dito! É a minha Palavra!!!

(Joana Pedro)

ai! meu culhões!


só existe o explorador
porque alguém se deixa explorar
só não sei se é um ingénuo
ou gosta de por vitima passar
se pensa em estar bem com todos
saiba que é pouco valorizado
o explorador não o respeita
e por ele não tem consideração
e me parece que vira um síndrome
dessa tal de dependência
sem o explorador , o explorado não vive
deve lhe dar alguma compensação
porque ele nunca dá um basta
entra no jogo como se fosse um sedução
pode até reclamar e racionalmente ver o erro
mas como digo nas minhas horas de ira
ele não é macho , não tem culhões
não toma uma atitude
não impõe seus limites
e me irrita essa inércia
esse se fazer de vitima
e não saber dar um basta
e gostar de ser o explorado
se acha a vitima , a coitada!

quinta-feira, 26 de novembro de 2009

Dois Lados


Cantando Na Chuva é um filme lindo.
Um musical alegre e vigoroso,
que é sempre requisitado e bem vindo
às nossas telinhas, muito gostoso.
Cenas destas fitas é que tentamos passar
à nossa DIVA a fim de fazer
sua felicidade avançar
em alegria e lazer.
Por outro lado, infelizmente,
tem filme feito por gente
doente e carente
precisando de tratamento urgente,
sendo o mal espalhado
num terreno ainda fértil
e bem regado
onde rastejam como réptil.
Sexta Feira Treze, Sob o Domínio do Mal,
entre outros, onde não há amor,
tentam usar suas garras de modo integral
nos seres do bem que com ardor
defendem-se como podem deste lado infernal.
A difamação, a calúnia e muita agressão
são as armas que o LNF usa
para no seu avançar, que é uma obsessão
em denegrir a nossa maravilhosa MUSA.
Filmes como Dr. Jivago e O Vento Levou,
entre tantos outros belos demais
embriagou-nos com tanto amor e nos cativou
de forma que ficamos a viajar quando terminou.
Titanic é um filme lindo
onde o amor belo e pueril
mexeu com corações , e rindo
mandou aquela falsa realeza prá PQP.
Alien, O Exorcista e Jogos Mortais,
são filmes preferidos e praticados
por aqueles com pecados capitais
procurando atingir aqueles que são amados.
Como é perverso, o malígno.
Como podem viver nesta baita escuridão
atingindo ao grego e troiano
pois seu viver é cheio de podridão.
Mas a LUZ, bilhante LUZ,
tá chegando e com grandeza e postura
iluminará este exército de CEGUETAS que conduz
a qual nossos lábios não cansa de gritar FRAN FOFURA.

Por: Acyr Gomes

Doze


Doze: os antigos diziam douuuze
Diziam também que os desafortunados cortam doze
Aquele ali? Cortou um doze com a mais nova,
que menina levada, para controlar cortava um doze.
Cala-te boca, quem corta um doze não se esquece
Dificuldade, couro comendo, faca riscando, bicho pegando, cobra fumando
Escuridão ao meio-dia, se dizia, é cortar um doze.
O doze às vezes no começo é doce
O doze chega mansinho, não chega chegando não, exceto em caso
De acidente, assalto ou extrema tentação.
O doze anda meio gingando, chapéu de lado, olharzinho safado
Encantador o doze, demais até, quando vê já pegou no pé.
Quem doze cortou, esperto ficou.
Acabou-se o que era doce, quando em cena entra o doze,
Ser do doze chegado é amargar perrengue inesperado
Se for doze de penúria, respire fundo,
Corra atrás do prejuízo, trabalhe dobrado.
Se for pra cortar doze de família, daqueles sem razão e só gritaria,
Fique esperto, fique liberto, arrume um emprego no meio do deserto,
Saia do olho do furacão, nem que seja sua a razão!
Mas cortar um doze de amor é o que amarga a boca, desse tenho pavor:
Sempre começa com três beijos, quatro abraços, algumas noites de amor,
Devagarzinho, como chegou, as garras do doze vão saindo de tudo quanto é lugar
Saem do chão, da parede, e lagrimas vão te arrancar
Se foi doce no começo, depois que desanda, é coisa de se afastar
depois de cortado, amarrado e enterrado,
O doze pode ser da memória apagado
Quem tem o carma de cortar um doze, deve queimá-lo de vez
Antes que vire 24, ou 36.
Se o doze foi cortado e ao universo de volta enviado,
A luz acende, a ficha cai,
A pessoa, de alma leve, ao encontro da vida vai!
Se ainda assim, o doze besteira falar, e no teu pé continuar,
Segue teu caminho sorrindo sem medo, deixe o doze a saliva gastar
Mas, se contra ti, o doze, seu exercito perfilar,
Lembra-te de eles que são apenas doze, e tens milhares pra te salvar
Não digo que fiques quieta, fazes bem de a verdade falar,
Tens meu aplauso, meu apoio, meu carinho,
Pois gosto do doze... para depenar!!!!

Por : Dora

quarta-feira, 25 de novembro de 2009

desvenças...


desavenças e desencontros
são próprios do dia a dia
só não os tem os inertes
omissos ou mal vividos
aki na nossa net querida
isso é do dia a dia
são desencontros de idéias
são pensamentos divergentes
mas tb existem os de certo convergentes
é preciso saber ouvir
ou melhor ler e sentir
porque as palavras carregam
amor, ódio e até rancor
qdo vc lê sente
o sentimento presente
qdo vc recebe uma critica
é muito claro se é amiga
e se de fato é construtiva
e quem na midia se expõe
precisa isso aprender
saber qdo o fogo é bom
qdo ele é só um alerta
que a pessoa que me diz
não quer o meu mal na certa
ela pode torcer por mim
sem ser torcida cega
vai pegar a minha mão
e se possível me por no colo
mas esse que tudo faz
pode tb discordar
e tenho que aprender
um amigo escutar
mesmo que o que diz
não é o queria ouvir
preciso analisar
e aprender a me segurar
eu erro assim como todos
e por apontar meu erro
não posso transformar alguém
em um inimigo ferrenho
tenho que aprender
a tolerância aplicar
e na certa saber
a hora de ouvir e me calar
e até me desculpar,
se no momento couber!

terça-feira, 24 de novembro de 2009

ALGUMAS CEGUETAS



Como é bom velejar
e ouvir o leve bater das águas no disco.
Sentindo o vento nosso rosto beijar,
e o espaço sem qualquer vislumbre de cisco.
Neste MAR AZUL a luz solar é um poema
e nas pequenas ondinhas que nos faz sonhar
o barulho é como um diadema
nos deixando sonolento em admirar.
Com seu vôo sereno e LIVRE
as gaivotas batendo suas asas no ar.
Pensamentos viajam velozmente
atravessando aquele espaço cheio de sáis,
PROCURANDO A VERDADE insistentemente
por alguém que ficou no cáis.
SIMONEFRAN veio SEM NICK
e com a bela visão do mar ficou inerte,
massageando-se com creme vick
ajudada por MARGARETE.
Com o barco feito de cedro
e suas mesas forradas de ladrilho marcris
encontro sentada às mesas, JOANA PEDRO
e em sua compania a CRIS.
A bordo desta grande embarcação
potes de bala JUJUBA encontramos.
O ANTONIO foi tomado de emoção
e correndo com o pote prá cabine
caiu no alçapão
sendo socorrido por KADEFRANCINE.
Entoando vários cantos
com notas musicais maiores que i dó
estava a MEIRE DOS SANTOS
que faz comentários no blog do NÓ.
Prá terminar e ir embora
devo dizer que ADOROOOO o sai
e escrever o nome PANDORA
deve satisfazer a FLYBUTTERFLY

Acyr Gomes

Grande mulher





É fácil riscar um fósforo e ter luz.
Também é fácil ligar o interruptor e clarear tudo.
Agora ter luz própria só mesmo os iluminados faz jús.
Mas neste time tem muito pouco sortudo.
Uma coisa posso garantir com muita precisão
o lado negro neste escrete
jamais fará intromissão,
pois a luz cortará como gilete
qualquer tipo de ilusão
que o LNF possa ter neste omelete
com ovo duma gema sem noção.
O alerta é dado pelas ceguetas todo dia
para que a luz impere sem cessar
os espaços de forma sadia
não deixando a negritude se instalar.
Mostraremos, quanto possível, ao mundo
de forma clara como um ser malígno
enganou e engana seres, de modo profundo,
com gesto, ações e palavras, digno
de uma força e gesto oriundo
do anjo do mal alienígeno.
A felicidade deste anjo é sem brilho.
Anjo criado numa vida de exploração
onde pessoas lhes deram as mãos como filho.
Agora, lhes vira as costas numa baita traição
fazendo-se de caudilho
após receber o prêmio de milhão.
Ser sem honra nua e crua,
sem qualquer resquício de amor
deu uma rasteira deixando na rua
aquela que lhe deu a mão com ardor
abolindo a grana maior que seria sua.
Ela irá lutar, e ela irá vencer
de forma clara esta laia
que vai perecer
diante desta grande mulher, Francine Piaia.

Acyr gomes

segunda-feira, 23 de novembro de 2009

cala-te!


colocando a casa em ordem
e na hora do meu desabafo
respeito se conquista
e quem o tem deve dele cuidar
se Procurando foi ingénua
e esta de fato pagando o preço
deve estar aborrecida
e na certa arrependida
do que relatou
não fui na tal festa
pelo que senti toda errada
eram fãs da fofurinha
e não amigas da Bruna
já começou por aí
pelo que senti e li
Fran foi o centro das atenções
numa festa em que era convidada
ou talvez até anfitriã
mas a homenageada era a assessora
quem errou não sei não
pq pelo que entendi
outras que lá estavam
foram pela ex-BBB
vamos lá ao tal do post
motivo de aborrecimento
criticas e até pedidos de desculpas.
a razão de tanta fala
foi de fato um leviandade
só tenho duvidas de quem
foi de quem publicou
ou de quem lá revelou
a restrição ao nosso blog
pra pessoas que não conhece
como sair assim falando
sem ter precaução
entregou a opinião
e autora dela tb....
desculpe na cabeça não passo a mão
já revelei isso na foto do dedão
errou quem foi a festa
sem sentir afeto e carinho
pela tal aniversariante
errou tb quem se abriu
sem saber pra quem falava
como foi uma coisa boba
que de nós elas não gostavam
podia ser coisa mais séria
atribuo a ingenuidade
e talvez a pouca idade
o assunto revelar
e claro que é coerência
agora tentar amenizar
as consequências da fala
errou falando, qdo deveria se calar!

PROCURA-SE


Basta ser humano, basta ter bons sentimentos, basta ter coração...
Precisa saber pensar para falar e calar com sabedoria, sobretudo ouvir...
Deve guardar segredos sem se sacrificar...
Deve gostar da verdade e só mentir quando absolutamente necessário...
Tem de gostar de poesia, da madrugada, das estrelas, de pássaros...
Tem que gostar do Sol, do canto do vento, do murmúrio da brisa, do cheiro e barulho do mar, do cantar da chuva e dos flocos de neve...
Deve gostar de ruas desertas, de caminhos molhados, de beira de estrada, de pequenas aldeias, do ondular das montanhas, de poças d'água, do mato depois da chuva, de deitar na relva e ver desenhos nas nuvens...
Gostar de viajar sem destino, com calma, conhecer outras pessoas e seus costumes...
Deve gostar de crianças e lastimar as que, pelas contingências da vida, não podem ser...
Deve gostar de velhos, ter paciência com suas rabugices e de ouvir suas histórias de vida, aprendendo com sua sabedoria acumulada...
Deve gostar de ver os deficientes como seres humanos capazes, afinal somos todos iguais, com algumas diferenças...
Deve sentir penas das pessoas tristes, compreender o imenso vazio dos solitários e a dor que os pesares levam consigo...
Deve amar e respeitar o próximo...
Deve ter ressonância humana, seu principal objetivo deve ser o de amigo...
Deve ter, ou ter tido, um grande amor por alguém, ou então sentir a falta de não ter esse amor...
Deve ter um ideal e medo de perdê-lo e, no caso de assim não ser, deve sentir o grande vácuo que isso deixa...
Procura-se alguém para gostar das mesmas coisas, que saiba conversar, para contar o que viu de belo ou triste, dos anseios, das realizações, de sonhos e realidades...
Procura-se alguém que diga que vale a pena viver bem o presente, idealizar o futuro, para não viver debruçado no passado em busca de memórias perdidas...
Não é preciso que seja de primeira mão, já que pode ter sido enganado, magoado, traído, abandonado, destratado...
Procura-se alguém que comungando das mesmas verdades, se preciso for, entre junto nas brigas necessárias para defendê-las...
Não é preciso que seja puro, nem que seja de todo impuro, mas não deve ser vulgar...
Procura-se alguém que bata no ombro sorrindo... ou abrace chorando... que beije com ternura... que fale as verdades que se precise ouvir...
para ter consciência de que estou vivo e que é possível...
ter o ser humano como amigo.
( domínio público – passível de acréscimos construtivos)

Se pesquisado este texto aparece em alguns lugares como de autoria de Vinícius de Moraes, em outros dizem que na verdade não é, que ele não aparece em nenhuma anotação do poeta. Há mais de dez anos eu o recebi como sendo de domínio público, quem me passou disse que fez seus acréscimos, eu também já fiz os meus. Se a autoria, de fato, for do poeta tenho certeza que, lá no seu cantinho do céu, ele não se incomodará com nossa brincadeira de acrescentarmos detalhes que nos atrevemos a achar que ele esqueceu e dará aquela sua boa risada.

Por: Pandora a nova

domingo, 22 de novembro de 2009

Relato sobre a festa de aniversário da Bruna. Esclarecendo alguns pontos.

Photobucket

Fui convidada por uma pessoa do Blog “We Love Fran” para ir à festa de aniversário da Bruna e fui.
Todos sabem que sou arroz de festa mesmo.
Chamou, chamou? Eu to lá. Sem me importar o que vão falar.
Afinal quem minhas contas vão pagar?
Tudo muito bem organizado. Muita comida, bebida, musica, gente bonita
e feia também, não de cara, mas de alma.
Todos já me conhecem e sabem o quanto amo Íris Stefanelli e, mesmo assim, não fui poupada.
Até por algumas amigas fui crucificada, por ter um coração do tamanho de um balão. Por amar demais meus semelhantes tenho que pagar um preço alto demais. Neste mundo quanto mais pagamos aos seres humanos, mas Deus nos dá créditos, e isto é o que importa. Continuo amando-as mesmo assim. Quando eu digo que considero amiga isto é pra sempre, mesmo que sofra por não ser compreendida.
Nossa mãe!!! Nunca tinha falado com a Fran, apesar de terem certeza que sim, mas como sou muito pequena, talvez tenham me confundido com alguma baleia. Afff!!!!Gorda é sempre ponto de referência, mesmo que não seja a verdadeira pessoa. kkkkkkkkk
Infelizmente disseram para ela que no Blog da Nó falavam mal dela e que tinham gravado. Eu perguntei quem disse isto para ela e ela respondeu, sem pestanejar, e com muita firmeza “- Foi a Bruna”.Se alguma loooooouca disse para a Cherry e a mesma acreditou e falou para ela , sem verificar antes a verdade dos fatos, paciência, usaram de má fé e, por ingenuidade, ficaram as dúvidas.
Algumas de nós somos velhas demais para acreditar em tudo e em e todos. Elas são jovens e ainda vão levar umas bordoadas da vida para aprender, pois faz isto faz parte do crescimento humano. Só rezo para que não sejam muito fortes, porque a pior coisa que pode acontecer na nossa passagem por esta terra é conhecer a injustiça e a deslealdade de perto.
Apesar de adorar depenar patos, me tornei uma águia (bicho penoso também) na matéria de conhecera a essência das pessoas.
Agora vamos ao que interessa.

Expliquei para ela quem eram Nó e Bengala, o que fazia o Blog na época do BBB9 e o que faz hoje. Disse que eu era do Blog, mesmo não frequentando o halos assiduamente, mas por me orgulhar de ser amiga de Nó e de Ben. Que nele se concentravam e se concentram muitas torcedoras dela, e que o Blog sempre torceu e incentivou a votarem para que ela ganhasse o prêmio, afinal, os 30% dela, do total de votos apurados, não vieram de outras preferências.

Infelizmente, ainda não gostam de votar em mulheres porque as acham fracas e sem capacidade para administrar qualquer coisa além de casa, filhos, de algum empreguinho que lhes traga alguma renda e a sensação, somente a sensação de independência. Preferem o homem. E assim vai indo, de BBB em BBB com os personagens de calças e penduricalhos (mesmo os que não usam) ganhando os prêmios, e deixando as migalhas para as mulheres.

Nossa culpa? Êpa! Minha não! Sou feminista ao quadrado para pensar deste jeito. KKKKKKk

Nem eu, nem Bengala e Nó fazemos parte deste grupo e sei que muitas de vocês também. Somos mulheres bem amadas e confiamos em nosso taco. Aqui só é frequentado por mulheres porretas. kkkkkk

O que está acontecendo hoje já vivenciamos, e muitas que aqui frequentam também, além da Nó e da Ben. Já vimos este filme não faz muito tempo e só mudaram os personagens principais.

Não esquentem, pois a menina ainda é ingênua e não teve tempo de conhecer as pessoas, as verdades sobre elas e escolher de que lado ficar. Tem muita gente que até hoje não aprendeu e tem muito mais tempo de estrada, mas mais cedo ou mais tarde a verdade aparece final, todos sabem que a mentira tem pernas curtas e as calças tem pernas longas.

Nada de culparem o Blog por nada do que escrevemos aqui. Temos opiniões diferentes e devemos nos respeitar mutuamente. Somos adultas e responsáveis pelo que fazemos.

Não posso deixar de dizer que a coisa é estranha, e eu fui lá para me certificar, com meus próprios olhos, o que estava acontecendo com a Fofura. Não fui para beber e comer. Fui para me divertir com minhas amigas e observar. Eu já não ligo para o que falam de mim, pois sou velha de guerra. Velhinha Bandida da Net, com muito orgulho, experiente, vivida, safo e que entende muito bem o que é querer aparecer ao lado de pessoas famosas por não conseguirem ser. Pessoas frustradas, amargas, com baixa estima e que se completam ao lado de outras como se fossem sanguessuga, erva daninha ou trepadeira.kkkkkkkkk

O que importa mesmo gente, é que Fran é linda. Fiquei parada olhando para ela, por alguns minutos, admirando aquela beleza diferente, esguia, altiva, que impressiona, e ela perguntou por que eu estava lhe olhando tanto. Eu disse que estava admirando sua beleza. Ela disse que achava Íris muito linda (achei engraçado ela falar de Íris naquele momento), depois deu um sorriso olhando dentro dos meus olhos e agradeceu. Disse que qualquer dia ia aparecer por aqui. Aguardemos!!!!!!!

Ela foi de mesa em mesa e falou com todos. Não deixou que a castrassem e nem conseguiram impedir que ela falasse com todos. Deixem falar o que quiserem, deixem virem aqui e colarem coisas que vocês dizem em tom de brincadeira, deixem que encham a cabeça dela com maledicências, pois ela já demonstrou na casa do BBB que tem a sensibilidade a flor da pele e, mais cedo ou mais tarde, vai saber escolher seu caminho. Não estamos disputando nada. Não estamos pedindo nada. Não estamos cobrando nada. O amor verdadeiro não aprisiona, não coloca amarras e nem grilhões.

Ela é pura sensibilidade e vai conhecendo quem é quem aos poucos, não por pessoa, mas pelos grupos de pessoas que a admiram.

Vamos deixar o tempo seguir, e como admiradoras vamos fazer nosso papel. Ajudar de longe é gostoso demais, não nos traz inveja, maldades, energias negativas. Se eu pudesse voltar no tempo seria assim que eu amaria minha filha do coração. No anonimato, escondidinha atrás do poste, debaixo da cama. Brincadeirinha!!!!!!KKKKKKKKK

Eu faria tudo de novo. Foi muito bom, gostoso, verdadeiro, sincero. Ficar perto é muito bom, desde que não tenhamos pessoas maldosas e invejosas nos policiando, nos patrulhando , sugando nossas forças para nos afastar, mesmo que não possam fazer o que fazemos e mesmo dividindo tudo que passamos para que todos sintam a mesma emoção. Um amor egoísta não vale à pena. Deixem que o tempo resolva tudo e desfrutemos deste momento da vida dela, enquanto ela precisar de nós. Votem nas enquetes, defendam ela contra os que lhe querem causar mal e deixem os cães latirem enquanto a carruagem passar. Esta é a melhor resposta para os pobres de espírito, e como diz Fran, umas PNC.

Falem mal ou falem bem, mas falem de nós. kkkkkkkkkk

E vamos que vamos!!!!!!!!

Regina, sempre falando serio?

TRANSFORMAÇÕES




O rei do pedaço
é quase sempre um figuraço.
Na política, atleta ou na forma de palhaço
faz por onde aparecer com estardalhaço.
Muitas vezes extrapola
causando problemas a quem os adora
e para baixar a poeira por um tempo se isola
da mídia, mundo afora.
Ao se sentir como estrela matutina
fica difícil convencer o bicho
que está próxima a sua ruína
sendo seu provável destino, o lixo.
A luta interior é imensa
e sem estrutura no seu currículo
seus gestos e palavras são sempre com ofensa
caindo sempre em ridículo.
Tipos assim tem muitos por aí.
Alguns são badalados com mesuras
e tomam banho de açaí
vão causando muitas travessuras.
Cativa inocentes aqui e acolá,
e com homens à tiracolo
viaja do sul ao Pará
e nestas viagens se acomoda no colo.
Embora contando com os fraternos
seria bom saber pelos seus
que não somos eternos
porque eterno só tem um, Deus.
Nossa vida é como ninho sendo feito
onde cada dia coloca-se uma raiz
tentando formar uma família, com respeito
para um futuro pleno e bem feliz.
Triste daqueles que pensam de outra forma
pois quando abrir bem os olhos
não terá mais força para a reforma
e só restará a cadeira de balanço para velhos.
Velhice curtida com o lembrar
das chances que teve para amar
e com respeito e se dedicar
uma vida que deixou escapar.

Acyr Gomes


PS: Para evitar maiores surtos e poupar a procurando de julgamentos achei melhor retirar o relato

perfil



posição , ora perfil?
não sei bem qual escolher
preferia emagrecer ou um sapato comprar
tá !sei que te pareço volúvel
e até mesmo superficial
mas é a fase em que me encontro
com preguiça pra pensar
ontem eu era uma ,
hoje é claro sou outra
é assim que é a vida
e tb o ser humano
está sempre em mudança
agora um perfil para escolher
uma posição pra decidir
não acredito nisso não
o perfil ,não escolho
não sou eu quem decido
é aquele que eu tenho
produto de tantas coisas
e de muitas coisas vividas
se o que mostro é confuso
nada posso fazer
pois o que mostro é o q/ sou
se não me faço entender
e a minha conduta ser óbvia
sinto muito é só o que posso dizer
e nem tenho o que lamentar
pois é assim que sou
e não posso posições tomar
que não sejam do meu jeito
confuso ou destrambelhado
mas é só isso que posso ter
e o melhor a oferecer
mesmo sendo co-dona de um blog!


ps: este texto é resposta à uma internauta que queria que eu tomasse uma posição.....

sábado, 21 de novembro de 2009

a camiseta



eita! como tem pato pão duro
não abre a mão nem pra um tostão
qto mais dar um relógio
flores ou um carrão
e como não gosta de gastar
quer vantagens para economizar
constam que o homem do milhão
o primeiro aki na nação
que seu nome não vou falar
deu a então namorada
um presente , um quinhão
era um maneiro relógio
dizem a boas e as más línguas
que ganhou numa promoção
enfim quis fazer bonito
sem gastar um p**o tostão
e agora o que leio
se é verdade não sei
estou tentando e até receio
de acreditar no que leio
o anterior jogou fora
ou deu pra alguém não sei
a caixa feita com esmero
e com xuquinhas recheadas
tudo feito com afeto
agora o pato atual
vem com essa novidade
recebeu das fãs um presente
pedem que seja o portador
que entregue pra as suas amadas
uma singela camiseta
diria eu que perdeu
ou que apenas esqueceu
mas constam as mais informadas
que viram a tal da vestimenta
ornando e encobrindo
o corpo de sua irmã
isso deve ser desatino
dessas fãs apaixonadas
o cara não teria coragem
de tamanha grosseria
ou me diga cá amigos
será que o cara teria??

identidade olfativa...ops .. "vô" no popular; perfume...


não insista , não revelo
é intimo e só meu
não deixo rastro nem vestígios
as embalagens altero
os vidros? ninguém os vê
é um direito meu
sagrado e inalienável
quem quiser saber?não conto
respeitem a minha privacidade
se os compro ninguém vê
se a ganho muito menos ainda
só uso com a condição
de nunca ser divulgado
é como segredo de estado
guardado e trancafiado
claro , a sete chaves
nem meu amigo intimo
namorada ou acompanhante
privam desse conhecimento
é um odor que é só meu
nem pra mamãe eu conto
que ingenua como é
pode entre uma cerva e outra
a verdade revelar
o perfume que eu uso
ninguém ficará sabendo..
"assim prefiro manter minha identidade olfativa em sigilo"

sexta-feira, 20 de novembro de 2009

O Rio de Janeiro continua lindo........


Mas olha, vou falar...
Estou de mau humor,
Talvez seja a lei contra o cigarro
Sim, me afeta, perdi a estribeira
Talvez seja o sol lindo lá fora e essa reunião que não termina
Vejo pela janela que o Rio continua lindo,
Que o povo carioca trabalha pra kaceta
Que as ruas do centro velho estão fervilhando de gente
Os ônibus continuam lotados, o povão na luta desde cedo
E este mar, que não perde sua beleza, seu encanto, sua magia?
No intervalo, entro disfarcadamente e para buscar as novas,
e vejo esses personagens sórdidos e previsíveis,
Cadê que são representantes da cidade maravilhosa!
Ociosos, ignorantes, baixos, inúteis
Nem vou me aborrecer, não posso, estou em abstinência,
Não vou ao chat, não clico na entrevista, não vejo as fotos
Principalmente destes envolvimentos triangulares
Campeão , sua ficante pseudo loura,
Com seus pseudo olhos azuis, pseudo, pseudo, pseudo até...
E mais algum item horti-fruti baixo nível, baixo astral
E agora me vem esse do pornô? deu!
Melhor olhar este mar, este céu lindo, essas montanhas,
E os verdadeiros personagens que formam a vida carioca,
Essas formiguinhas cheias de bossa que assisto do décimo - segundo andar
Não vou olhar este estereotipo torpe do carioca indolente,
Veja que nossa gaucha já sacou o Rio, trabalha e se diverte,
Faz amigos, vai de mansinho, não perde o rebolado,
Encara o batente e não dá trela pra mau-malandro
Dessa festa pobre, podre,
Desse nonsense deslumbrado, passo longe,
Inteligentes as ceguetas, dou risada da depenação
Pandegas as Ceguetas!!!!
Não sou do Rio, mas conheço este lugar não é de hoje
Esta triste família e agregados não pertencem ao meu cartão postal particular
Depois de amanha volto pra casa, missão cumprida,
Amigos revistos, paisagens no coração,
Esse é meu Rio querido, esses maus- malandros não entram na minha foto,
Carioca tem seu jeito, pergunte a Chico, pergunte a Tom, a Vinicius,
Eles já cansaram de falar,
Agora me vêm dizer... ai espero que sumam, espero que
Sejam felizes em seu mundinho,
E que sejam de Marte, de Saturno, ou de qualquer lugar virtual,
Pois com este Rio lindo, não combinam,
No Rio que eu sei, e que me sabe, não entram, eu não admito
Que não mencionem este lugar em suas porcas entrevistas, chats
Ou chatices em geral, que não representem, não tragam mais idiotas pra cá...
Vou voltar logo e vou vigiar,
E olha só:
Seu dinheirinho, sua pouca fama, seu `siachismo` podem abrir as portas de boate,
podem comprar carninha de churrasco, podem gerar o retrato e clique que for
Mas no baile do meu cartão postal, da minha paisagem ,
No Rio de Janeiro que habita em mim,
Vem não rapá, passe bem longe e bem reto,
Nada fale, fique quieto.
Aproveite, você e seu cenourao patético,
Fique um e outro bem quieto,
No meu mau humor, nesta reunião tediosa, com esta vontade
Insana de me envenenar com um cigarro,
Estou mentalmente espetando você, seu cenoura, seu pornô, seu goiaba,
Sua ficante... em uma varinha.. comprida e bem fininha
E mergulhando e tirando do mar, mergulhando e tirando do mar, mergulhando e tirando do mar...
Oooops, a varinha escapou! Que bom... vou almoçar!

Por : Dora

OS ESTATUTOS DO HOMEM



Fica decretado que agora vale a verdade, que agora vale a vida, e que
de mãos dadas, trabalharemos todos pela vida verdadeira.

Fica decretado que todos os dias da semana, inclusive as terças-feiras mais cinzentas,
têm, direito a converter-se em manhã de domingo.

Fica decretado que, a partir deste instante, haverá girassóis em todas as janelas,
que os girassóis terão direito a abrir-se dentro da sombra;
e que as janelas devem permanecer, o dia inteiro, abertas para o verde onde cresce a esperança.

Fica decretado que o homem não precisará nunca mais duvidar do homem. Que o homem confiará no homem.
Como a palmeira confia no vento, como o vento confia no ar, como o ar confia no campo azul do céu.

Parágrafo único:

O homem confiará no homem como um menino confia em outro menino.

Fica decretado que os homens estão livres do jugo da mentira. Nunca mais será preciso usar a couraça do silêncio nem a armadura das palavras.

O homem se sentará à mesa com seu olhar limpo porque a verdade passará a ser servida antes da sobremesa.

Fica estabelecida, durante dez séculos, a prática sonhada pelo profeta Isaías,
e o lobo e o cordeiro pastarão juntos e a comida de ambos terá o mesmo gosto da aurora.

Por decreto irrevogável fica estabelecido reinado permanente da justiça e da caridade,
e a alegria será uma bandeira generosa para sempre desfralda na alma do povo.

Fica decretado que a maior dor sempre foi e será sempre não poder dar-se amor a quem se ama,
e saber que é a água que dá à planta o milagre da flor.

Fica permitido que o pão de cada dia tenha no homem o sinal de seu suor.
Mas que sobretudo tenha sempre o quente sabor da ternura.

Fica permitido a qualquer pessoa, a qualquer hora da vida o uso do traje branco.

Fica decretado, por definição, que o homem é um animal que ama
e que por isso é belo, muito mais belo que a estrela da manhã.

Decreta-se que nada será obrigado, nem proibido. Tudo será permitido,
inclusive brincar com os rinocerontes e caminhar pelas tardes com uma imensa begônia na lapela.

Parágrafo único:

Só uma coisa fica proibida, amar sem amor.
Fica decretado que o dinheiro não poderá nunca mais comprar o sol das manhãs vindouras. Expulso do grande baú do medo,
o dinheiro se transformará em uma espada fraternal para defender o direito de cantar e a festa do dia que chegou.

Artigo final:

Fica proibido o uso da palavra liberdade,
a qual será suprimida dos dicionários e do pântano enganoso das bocas.
A partir deste instante, a liberdade será algo vivo e transparente como um fogo ou um rio,
e sua morada será sempre o coração do homem.

(Thiago de Mello)


"Eu tenho um sonho..." de que um dia os homens do planeta Terra não precisarão mais instituir dias
para marcar lutas, raças, religiões, lugares, familiares e pessoas. Todos os dias serão de comemoração
do respeito de um ser humano por outro.
Paz e bem a todos.

Pandora - a nova

quinta-feira, 19 de novembro de 2009

Perdão pelas loucuras cometidas


Quem é esta pessoa que não reconheço mais
Tão gentil e tão carinhoso no começo
Fez um esforço tremendo para ganhar atenção
Sempre procurando saber quem era a mais cobiçada
E com golpes e mais golpes de sedução
Conseguiu ganhar o coração de nossa menina
Até ai tudo bem, se não fosse somente um jogo
Onde aquilo que vc conquista vc é responsável
E tanto que ele tentou que foi certeiro no coração
Depois do trabalho feito , veio o desprezo
Mil declarações, e mil explicações não me fazem entender
Como pode existir caras assim como esse ai!
Gente baixa e de índole duvidosa
Que não pensa nas consequencias de uma arma poderosa
Sim o amor é uma arma, com ela vc destroi uma pessoa
As vezes pode matá-la , as vezes aniquila-la , as vezes anula-la
Mas nem todas as batalhas saímos vencedores
A sua "presa" pode sofrer , curar suas feridas e sobreviver
E virá mais forte, com todas as suas garras e forças
E o derrotara com as armas que você mostrou saber lidar tão bem
As vezes matar a pessoa em vida é bem pior que um barraco
Pois jamais seu nome será pronunciado no presente
Sempre no passado como alguém que já morreu
Que Deus o tenha no seu passado aquele que vc foi um dia
Assim não precisa sofrer com alguém que já foi seu amor
Pois estará viúva de um ser vivo, de uma pessoa vazia e fria
E estará liberta para novas paixões e emoções
E esquecera de vez que um dia, passou por suas mãos
De certo ela não será a primeira a fazer isto
Muitas pelo que sabemos já passaram por isto
Então o problema não foi seu minha pequena
E sim da sua pseudo nobreza, que acha que pode tudo
Inclusive desmerecer aquela que te deu tudo
Mas os caminhos da vida ninguém sabe e podem se cruzar
Hoje estas por cima , amanhã pode ser que mude
E nesta hora, não irá encontrar seus verdadeiros amigos
Todos fogem como loucos dos problemáticos e mendigos
Mendigos de coração e alma, mendigos de bondade
Dai saberá o que é pedir algo para alguém e receber só migalhas
A vida da muitos reversos, não sabemos qual é o certo
Mas sabemos que coisas não devem ser feitas nem faladas
Por mais triste e indesejada, devem ser guardadas no coração
Sem demonstrar que na verdade é tudo uma questão de falta de amor
Por si próprio e pelos que te rodeiam
Se você não aprendeu nada nestes anos todos que tem
Não será agora que mudará, espero somente que um dia seja feliz
E quem sabe consiga formar uma família, mas para isto terá que mudar
Porque da forma que hoje aparenta ser vc com certeza ficará a mercê
Das aproveitadoras até seu dinheiro acabar
A solidão te ajudará , a pensar tudo que fez na vida e quem sabe
Na paz do seu lar achará uma forma de se desculpar daqueles que te amaram
E te apoiaram nas horas mais difíceis, e pedirás perdão pelas loucuras cometidas.

CIRANDA DA VIDA


Desde de pequena sempre gostei de
brincar, sorrir, cantar e dançar
Já mocinha aprendi que é gostoso flertar
e, por boa orientação comecei a trabalhar
por dinheiro para meus gastos e trabalhando
também, sem ganhar, para pessoas ajudar
Um dia comecei a namorar
Papai do céu o levou, tive que me conformar
mas nem por isso deixei de
brincar, sorrir, cantar, dançar, flertar e trabalhar
Por exemplos bem dados sabia
que tinha que muito estudar
para outra cidade fui em Faculdade me formar
Num estalo, uma aventura louca resolvi encarar
durante a aventura arrumei um namorado
que pensei me amar, com o tempo
percebi a “furada” e resolvi abandonar
tal louca aventura mais me estimulou a trabalhar
ganhando o meu sustento e podendo
mais pessoas ajudar e continuei a
a brincar, sorrir, cantar, dançar, flertar e trabalhar
Porém, algumas pessoas dizem que só não posso ficar
que um homem preciso, para dar carinho,
chamego e um ombro para encostar
Tais pessoas não entendem
que tudo tem hora e lugar
O tempo é meu espaço e com amigos/companheiros
com quem posso contar e confiar
vou seguindo calmamente a
brincar, sorrir, cantar, dançar, flertar e trabalhar
Só peço calma e paciência
me deixem viver a vida
me deixem meu espaço marcar
com o tempo tudo vai se arranjar
e eu, feliz e contente, com e para vocês,
continuarei na ciranda da vida,
a brincar, sorrir, cantar, dançar, flertar e trabalhar.
E, com o tempo andando, na ciranda da vida
um companheiro eu encontrar e amar
quem sabe, um dia, venha pensar
em me casar, então nós dois iremos na vida
brincar, sorrir, cantar, dançar, trabalhar e muito amar.
Paz e bem a todos

cegueta Pandora - a nova

quarta-feira, 18 de novembro de 2009

Indiferença!


o tempo é poderoso
além claro de inexorável
deve ser bem respeitado
e por muitos atendidos
se vc não o entende
pelo menos o respeite
ele manda em tudo
e determina o acontecer
há um tempo pra nascer
e não é fixo como deve
é resultado de fatores
que nele interferem
há um tempo pra crescer
ainda outro pra amadurecer
e assim como um pra se apaixonar
e dai passar para o amar
segue um tempo pra se desiludir
claro qdo isso acontece
porque nem todo sentimento
caminha por essa forma
e o tempo de odiar
esse é inevitável
mas o que quero destacar
que ele é normal no ser humano
e cada um tem o seu tempo
de trabalhar esse sentimento
a raiva segue a desilusão
e me surpreendo qdo leio
pedidos que ele abandonem
pra não falar sobre o objeto
da sentida desilusão
gente eu cá creio
dos meus 60 anos vividos
que cada um precisa de um seu tempo
o tempo de desabafar
e isso não é racional
é de fato emocional
e isso se encerra
mas cada um no seu tempo
ai surgi o pior dos tempos
não pra pessoa que sente
mas pra quem é o objeto
por quem um dia se amou
ou só mesmo se admirou
é o tempo indefinido
tende a nunca extinguir
é o tempo da indiferença!

CONCEITO ou PRECONCEITO?



acabo de ler a noticia de Joe Jackson
e não foi surpresa
tenho dele um conceito
que não é dos mais elogiáveis
tenho até um conceito
não sei se é preconceito
mas classifico como malandro
e um cara explorador
akele que bota os filhos
pra prover o seu sustento
veja bem o perfil
e tem mais , existe tb no Brasil
tem uma porrada de filhos
e desde cedo os coloca na midia ou TV
alguns , e são poucos
fazem o sucesso infantil
e qdo se tornam adultos
mostram se desadaptados
nomes não vou citar
porque eles são vitimas dos pais
agora que são pais malandros
que querem enriquecer
e colocam os filhos na frente
lhes roubando a infância
e não respeitando o crescer
para neles se realizar
mas sem muito sacrifício
pq essa parte fica pros filhos
e pra eles a tal da gloria
de ter colocado pra lutar
porque batalhar só por de traz
a sua prole gerada
sem limite ou responsabilidade
vai filho colocando no mundo
pra seu sustento garantir

Flodam-se


Sim, eu também posso mandar todo mundo se floder
Ou pensa que isto é só privilegio dos artistas e celebridades
Mando mesmo por pensamento,pela boca e pelos meus dedos
Assim como se fosse a coisa mais natural
Afinal quem vai se sentir ofendido
Ninguém que não mereça
Vão pensar, esta louca esta cegueta
Tudo bem já me chamaram de coisa pior
Louca é quase um elogio na minha fase atual
Dou-lhe uma , dou-lhe duas, dou-lhe três
E vai mais uma pra vocês flodam-se mais uma vez
E dai alguém sentiu alguma coisa
Sentiram-se menosprezados, ou avacalhados
Acho que não porque não passa de uma brincadeira
Uma brincadeira de palavras e letras
Um texto meio sem sentido, mas com um aviso
Posso mandar sim, assim como vocês
A quem merecer, ou por puro prazer de mostrar que sei fazer
Sabemos os limites das brincadeiras e até onde podemos chegar
As vezes tudo tem sua hora e seu lugar
E aqui no blog é nosso lugar
Nada contra ninguém já falei,
Mas é que tive vontade e não me contive
Há já descobri, um urubu se ofendeu ha... ha... ha...
É amigo urubu, que diariamente vem nos atormentar
Vem despejar os resíduos de suas comidas aqui
Mas sabe como é que né, casa de cegueta
Por mais que vc não queira
Sempre tá limpinha e com as coisas no lugar
Por isto não venha despejar suas sujeiras aqui
Tentar jogar uma cegueta contra outra
Dizendo que foi a outra quem sujou o lugar
Podem ser muitas, mas aprendemos a conhecer muitas
Então cai fora que vamos fazer a limpeza
Depois mandamos vc se floder com toda certeza.

terça-feira, 17 de novembro de 2009

Os Pecados Capitais




Hoje bem de manhãzinha, logo cedo, ao acordar
Por causa de uma fotografia comecei a me culpar
Fui correndo para igreja a fim de me confessar
Pois de um pecado tão sério eu queria me livrar
Ao voltar, já bem mais leve, mais tranqüila, coração em paz
Não sei por que vieram à mente os pecados capitais
Não sei também por que motivo apareceu a minha frente
Uma casa toda rosa onde só mora boa gente
Não entendi a relação que estava se fazendo
Mas procurei com atenção algum link encontrar.
Lembrei logo de um pecado, a SOBERBA e não sei por quê
Pois naquela mansão tão linda a falta de humildade não é bem vinda
E a GULA, alguém visualiza uma pessoa com essa figura?
Pelo que ouço falar e de fonte bem segura
Ninguém come nem bebe muito, pois não vivem na secura.
A LUXÚRIA, mesmo quando convidada, passa bem longe de lá
Pois a carne é muito fraca e a linguiça nem dá pra brincar.
PREGUIÇA? Que pecado é esse? Por lá ela não existe
Pois o dono da tal casa trabalha muito no twiter.
A IRA nem passa perto, pois o ser é iluminado
Rancor, raiva e ódio não fazem parte daquele quadrado.
Quem cobiça bem materiais e faz tudo por dinheiro
Não é o dono da mansão, pois se doou por inteiro
Para conquistar seu milhão e pela AVAREZA não sente atração.
Desejar status de outra pessoa não é comum naquele lar
Pois são tão evoluídos que de INVEJA nem gostam de falar.
Por isso acho esquisito o que veio ao meu pensamento
Pois uma família tão boa, tão cheia de bons sentimentos
Com amigos, seus fraternos, que também são muito legais
Não podem ser comparados aos Pecados Capitais
Então a louca sou eu, que vejo tudo errado?
Como pude me enganar, fazendo esta comparação?
Alguém pode me ajudar, alguém de bom coração
A resolver este problema e me dar uma solução?
(Por Joana Pedro)

Colaboradoras



É Dora , é Pandora ,é Joana,
são as ceguetas assumindo
e suas ideias expondo
se falam o que quer ouvir
que bom, fico feliz
mas se isso não ocorre
sinto muito minha gente
pois falam o que sentem
e se no texto há um desabafo
para alguém ele fez bem
deixem as meninas falarem
todos tem o que dizer
já tivemos a lanterna ,
um cão guia e nossa amiga Aninha
a Arrudão que é colaboradora
de carteirinha a um tempão
cada um com o seu estilo
e o seu modo de dizer
digam digam o que sentem
e façam o blog acontecer!
até mel com água benta
tivemos aqui também
que é pra gente não esmorecer
se acalma ? faz o bem!
mas a agua aki desperta
e ceguetas pra valer
se empolgam e comentam
e da moita se apresentam
contando o que pensam
e podes crer meu amigo
falam e sabem oque falam
não omitem , e é pra valer!

segunda-feira, 16 de novembro de 2009

Liberdade, antes que tardia


Eu andava vagando em nossa casa
Pelo corredor, pela cozinha, pelos quartos ....
Quase sempre estava sozinha
Quando ia dormir me via sozinha
Quando queria sentir um carinho
Não havia ninguém ao meu lado
A vida esta tão vazia tão triste eu andava tão deprimida
Tentei fazer mil coisas e nada chegava ao fim
Minhas forças eram somente para pensar
E nada conseguia realizar
Minha vida estava vazia e não tinha a quem perguntar
Até que um dia me libertei
Consegui forçar nem sei de onde as tirei
Me libertei, senti-me completamente forte
Eu até poderia voar se tivesse asas
Catei os meus poucos pertences
Deixei o resto para toda gente
Aquilo já não fazia parte de minha vida
Era o passado ficando para trás
Segui à passos firmes
E em nenhum momento olhei para trás
Eu havia me libertado, inclusive de mim mesma
E segui adiante com meus queridos
Não mais iria me permitir que alguém me escravizasse
Não mais iria chorar por quem não me amasse
Não mais iria me humilhar para alguém que se dizia superior
Cheguei aqui e agora, totalmente despreparada
Mas com uma força danada de ser superada
Por eu mesma, sempre e sempre......
Assim nunca mais duvidarão de mim
E de minha capacidade de discernir
O que é bom para mim e o que não é
Quero amar e ser amada
Quero ser desejada e cortejada
Assim como toda mulher o é
Agora estou feliz pois me libertei, sou liberta
De compromissos e amarras que nunca me trouxeram nada
Quero seguir em frente sempre
Quero ser amada pela minha gente
Quero ser até que me provem inocente
De tudo que me acusam ou acusaram
Em minha vida não há mais solidão
Pois todos estão no meu coração
Posso sentir isto e dizer que hoje sou quase feliz.

Bõnus e ônus.




perdeu sim, perdeu a compostura
sejamos fãs bem ceguetas
mas não fechemos os olhos
pras caretas, pra atitudes erradas
e em hora inadequada
pode ter sido até brincadeira
uma resposta gaiateira
mas foi feita em hora errada
Fran ,ser celebridade tem muitos bônus
mas na certa tem os seus ônus
e aki nos ceguetas
ninguém vai passar a mão
qdo errar na sua cabeça
foi um ato infeliz
ficou feio pra vc
e além de tudo isso
totalmente desnecessário
menina aprenda a lição
vc é jovem e tem que aprender
ser musa tem que ter atenção
e nada de brincadeiras
ou dar vazão a emoção
tem sim que se policiar
e não é por isso que a quero menos
mas qdo vc errar ,
pode ter certeza que vou brigar
e sua atenção chamar
mesmo que isso pareça
pra quem pouco me conhece
dar munição ao bandido
ou ter disparado fogo amigo
nada disso minha gente
é de fato um alerta
que daria a um filho
se de fato foi brincadeira
pelo que a conheço
penso que foi
não repita ato impensado
porque o inimigo vive
dia e noite no seu pé!

CALEIDOSCÓPIO


kalos(belo, bonito), eidos(imagem figura), scopeo(olhar, observar)

O caleidoscópio, que dizem já ser conhecido pelos antigos gregos, foi oficialmente inventado na Inglaterra em 1817, por David Brewster enquanto estudava a polarização da luz.

Formado por um tubo, tendo em seu interior pequenos vidros coloridos e espelhos fixos formando ângulos de 45 a 90 graus, ao se girar o tubo formam-se figuras coloridas em arranjos que se alteram com o movimento. Espelhos em 45. formam 8 imagens, a 60. 6 imagens e a 90. quatro imagens, que se refletem um no outro.

Acompanho Francine Piaia desde o dia 13.01.09. No ppv do bbb, onde uma câmera sempre estava focada nela, mesmo quando dormia buscavam seu rosto. No pós bbb através de vídeos, ensaios fotográficos, fotos pessoais e de fãs, da mídia em geral, dos blogs, em todos os lugares e situações possíveis.

Ela é única dizem... para mim ela é uma, outra, outra e mais outra, sempre maravilhosamente bela, modificando sua expressão conforme a situação. Vai da menina arteira a mulher ultra sensual, incorporando os personagens que lhe são oferecidos, transmitindo ao observador, através de gestos e olhares o que lhe foi apresentado. Todos comentam a metamorfose e a capacidade de fazê-la. Isso é dom.

Como gosto sempre de fazer comparações, para mim, o Ser Supremo ao moldar Francine deu-lhe o dom natural do caleidoscópio, com sua luz e cores, de criar maravilhosas figuras, conforme os movimentos necessários, e expressá-las com verdade.

Outra comparação, de poesia/música, seria com Escultura, do carioca Adelino Moreira (1918/2002), que se a tivesse conhecido, com certeza, a tomaria como musa.

Cansado de tanto amar
eu quis um dia criar
na minha imaginação,
uma mulher diferente
de olhar e voz envolvente,
que atingisse a perfeição
comecei a esculturar,
no meu sonho singular
essa mulher fantasia
dei-lhe a voz de Dulcinéia
a malícia de Frinéia
e a pureza de Maria
em Gioconda fui buscar o sorriso e o olhar
em Du Barry o glamour
e para maior beleza dei-lhe um toque
de nobreza de madame Pompadour
e assim de retalho em retalho
terminei o meu trabalho
o meu sonho de escultor
e quando cheguei ao fim
tinha diante de mim... você...
Só você, meu amor.

Por tudo que tem demonstrado ser, nós seus amigos/admiradores, desejamos poder acompanhá-la,

caleidoscópicamente, numa vida plena de paz, saúde, felicidade, prosperidade e sucesso.


Cegueta Pandora – a nova

domingo, 15 de novembro de 2009

o desmentido do desmentido do mentido...


lá vem o pato
pata ti pata colá
la vem o pato
para todos convidar
e seu niver festejar
vai ter bolo e bolão
bola , skate e diversão
será de fato temática
mas cada convidado que irá
não precisa ir fantasiado
mas só poderá entrar
quem o dono da festa deixar
vai ser como foi o casamento
só não sei se em castelo
porque o lugar ainda não foi
p/ a midia divulgado
se for tal como no da Cica
com o pato do Ronaldo
que de quem ela não gostava
proibia a entrada
ou mandava ir embora
nessa festa só vai dar confusão
Rodrigão já anunciou
que Fran não irá não
não faz parte da lista
das pessoas ali bem-quistas
e pra concluir a questão
não há clima pra ela não
Kogut leu nas entrelinhas
a noticia antecipada
na festa a gaúcha
não será uma convidada
deu a nota e sem pudor
o lado da festa se manifestou
não foi assim que eu disse
apenas alertei a ausência planejada
vai que um diz uma coisa
outro vem e esclarece
e o assunto tal como merda
qto mais mexe mais fede
mas pra encerrar o assunto
e deixar tudo bem claro
vem Sílvia assessora
e desmente a nota,
a Kogut, o Rodrigão
e se der mais uma moleza
até o próprio campeão
e afirma em bom tom
que foi tudo invenção
e de desmentido em desmentido
vou ficar com o mentido
pra ficar fora dessa confusão!

Musos


Para as Ceguetas dou bom dia
E venho por esta convidar,
Para um novo Net Reality observar
Parece gincana mas não é,
Pois o que vale é a brincadeira
Do premio não veremos o cheiro,
Pois este ficará para nossa Musa verdadeira.
Os times já se formaram, embora alguns de camisa trocaram,
Tudo certo, luzes, ação, que os candidatos desfilarão
Que vença alguém de responsa,
Pois se na bola pisar,
Eu de novo viro onça!
Primeiro desfila o time rosa, que defende um homenzinho
Esquisitinho, pomposinho, um tonto mostrando o bracinho
Essa torcida é tinhosa, encolheu-se mas não escafedeu-se
Apanha, leva lambada, cacetada, mas não aprende,
Quando damos por acabada, com uma certa palavra de ordem,
Meus ouvidos ofende.
Segue um pequeno grupo, que nem sei se não se extinguiu
São apoiadoras de um certo doutor, cuja face é um horror!
O que tem de rico tem de lambão,
E de todo o circo, com respeito ä torcida,
Foi pra mim o pior palhação!
Recém formada mas em crescimento exponencial,
Umas certas vendidas vem cantando animadas,
São alegres e inteligentes como o muso,
E até o associam a certa iguaria panificada
Feita de queijo, polvilho e, para alguns, algum propósito escuso
Dos três não faço um, sou desconfiada e não esqueço,
O que une os três musos acima,
É uma fotinha com dada mocinha,
Sobre a qual não vou me alongar, para nosso dia não azedar
Só direi que seu nome rima com angu,
e tem alcunha de ficante neste alegre rendevus
Isso me perturba e me encafifa,
Mas cadê que eu mando alguma coisa
A musa que sabe de sua sina
Por falar nela, a musa,
E para não dá-la por Terezinha de Jesus,
Uma quarta equipe se forma,
Defendendo um certo Mr X,
por carne nova conhecido, que não seja do 8P,
Muito menos do BBB!
Que seja simpática a figura, com pegada e estrutura,
Fina estampa fecha o pacote, se não for pedir demais
Quem vencerá a charada, amigas poderosas?
Sabe Deus, porque a musa é F**
Enquanto isso me divirto
Pois é tudo uma simples maneira
De demonstrar o bem querer,
E apostar atracada com quem,
A Musa querida, na mesma canção, vamos ver!

Por : Dora

sábado, 14 de novembro de 2009

E o circo está chegando... Ou já chegou?


Que circo é esse, minha gente,
Que já estão anunciando?
Que em vez de mágicos e malabaristas
Traz arte urbana e skatistas.
O único personagem adequado
Para este tipo de festa
É o palhaço
Aquele que se acha
O dono do pedaço.
Mas este palhaço, meu Deus
Já devia ter se aposentado
Pois sua arte já deu
Nada mais é engraçado.
Um palhaço em decadência
Descendo ladeira abaixo
Que com sua prepotência
Anda sempre cabisbaixo
Pois não se conforma, coitado,
Com o sucesso de uma tal fulana
Que por baixo dos panos – de seda
Não de morim ou de lona
Vem lotando os espetáculos
Que deles tem participado.
Onde a bailarina se apresenta
Os ingressos ficam esgotados
Todos querendo conhecer
A bailarina – um mulheraço
Que transformou o palhaço
Em palhacinho, inho
Um ser tão pequenininho
Um minimim, miniminzinho.
E agora, sem mais lugar
Para poder se apresentar
O minimim campeão
Um ser total sem noção
Decidiu fazer o anúncio
De quem não vai convidar
Para o seu aniversário.
E com isso, o salafrário
Um perdido, um mané,
Deu mais um tiro no pé.
Será o golpe fatal,
Será o ponto final,
Da palhaçada patal???

(Por Joana Pedro)

Não dá!



não dá ! tenho que falar
que é isso minha gente
deixar noticiar um grossura dessa
deixar publicar que a ex não pode entrar
isso pode até ser feito
esse sentimento existir
vontade de nunca mais ver
até ódio sentir
mas ser burro a tal ponto
porque isso ultrapassa
a falta de educação
e então a tal polidez
passou longe e nem deu um esbarrão
agora deixar isso claro
publico e na midia
espero que tenha sido
fruto da midia e da imprensa
que o cara não disse isso
nem tampouco sua família
que pelo que tenho noticias
passa longe da educação
parece mais chegada a um barraco
que me perdoem os barraqueiros
não tem vez e não é admissível
pra quem quer ser celebridade
ou até se diz artista
mas como parente deve ser karma
a gente não os escolhe não
atura e precisa conviver
com o que tem com o que lhe coube
pode o tal do comentário
ter partido de um afeto
que acha bem bonito
mostrar e tornar publico os desafetos
mas que me perdoem a ausência
essa grossura não tem vez
perderam tempo e a chance
de ficar de boca calada
e deixar de expor asneiras
que parece já extrapolaram
e que só fazem do campeão
um pato em depenação!

a perseguida



longe desta cegueta
se comparar a alguém
ainda mais do naipe
da Fernanda Young
mas que me chamou a atençaõ
me atraiu a manchete da vagina
não me choca a expressão
ser usada na midia ou TV
até aproveito a ocasião
pra falar da cidadão
que anda com ibope baixo
só não sei porque razão
diria que anda esquecida
relegada a um segundo plano
há outros interesses
que se colocaram na sua frente
e a pobre vagina
deve estar desconfortável
não porque tenha algum problema
mesmo sendo bem limpinha
e com asseio doméstico
já não é mais a desejada
a que desperta tesões
que provoca cidadões
nem mais é o objeto de desejo
como já foi a mais desejada
creio que até perdeu o apelido
aquele que garantia o seu valor
enfim a pobre vagina
hoje não é mais citada
como a grande " perseguida".

sexta-feira, 13 de novembro de 2009

Máscaras.....


"Quem é você? ( Noite dos Mascarados – Chico Buarque de Holanda)
Diga logo, que eu quero saber o seu jogo...”
Muitas pessoas costumam usar uma máscara
Para esconder a própria realidade
Fingem ser o que realmente não são
Para atrair alguém desavisado.
E o que atraem? Outros mascarados.
Muitos utilizam este tipo de acessório
Pilotos de corrida, soldadores, médicos, dentistas
Mas com um objetivo: a proteção.
Há, porém, uma máscara da pior espécie
Que é a da hipocrisia,
Pois esconde a fraqueza, a falta de ação.
E ao se esconder nessa fantasia
Descobrem que não conseguem preservar
Amores e amizades
Pela total falta de autenticidade.
Mentir que tudo está perfeito
E ocultar o sentimento de inferioridade
Não é fácil não,
Pois a falsidade, a leviandade
São sentimentos que destroem a razão.
E o que estamos vendo hoje?
Um perfeito baile de máscaras.
Não se deram conta ainda
Que a festa terminou
E pensam que mantêm colados ao rosto
Aquilo que não colou.
Embora modificadas
As máscaras continuam presentes
E em suas caminhadas
Dispensando muita gente.
E neste baile de máscaras
Pensando que faz estardalhaço
Quem é o mais animado,
Aquele que se acha o mais engraçado?
O palhaço!!!
E o palhaço o que é?
Um grande desocupado,
Um tremendo desorientado
Sem saber o que fazer.
Tomara que depois da folia
Deixe de lado a vaidade
E encontre a energia
Para conseguir retomar
Sua vida, sua arte.

Por(Joana Pedro)

quinta-feira, 12 de novembro de 2009

Por Hora..............



Por hora, pouco se sabe dos meus passos,
Quando acham que venho vindo, já fui,
Passo ventando, não espero pra ver o estrago
Por hora, passo muito tempo oculta,
Talvez germinando, digerindo, resgatando, avaliando
E com certeza, na maioria das vezes, trabalhando
Muitos até dizem que ando amando!
Minhas escolhas são motivo de prosa,
Compreendo, se preocupam, mas aprendi que não se abre
A porta do forno no meio do bolo, porque periga não vingar
Sei que me vêem através de muitas lentes,
E dependendo da cor escolhida,
No paraíso ou no inferno sou recebida.
Revelo de repente nesgas de fatos,
Demonstro minha luta e minhas vitórias,
Não ostento, compartilho, é mais gostoso assim.
Historias mirabolantes viajam por aí
Guerras e amores que nem sempre vivi,
Sendo que entender minha verdade é tão simples,
E com um pouco de observação, mais e mais em mim confiarão
Vejam os olhos de minha mãe, e meu berço entenderão,
Com honra e amor me batizaram,
De longe vigiam meu caminho, nunca o apoio me negaram
Vejam o que eu recentemente aprontei,
Peguei três panos, dois cãezinhos e um lar formei
Vejam meu poder de mudar de cara, sem a essência perder
Trago igual luz a uma pantera, uma cabrocha, uma garotinha
Ou a um pop star, para a todos entreter
Vejam quem anda do meu lado, como seu humor tem mudado,
Tenho realmente, os mais misteriosos, adocicado!
(Se bem que alguns... azedaram de vez,
Mas tem dó, não sou milagreira
Quem nasce pra limoeiro,
Chegaria de algum modo a virar um canteiro de alfazema?)
Mas deixa pra lá que está na hora,
Vou andando, paro não
Mando noticias assim que possível, com alegria, não por obrigação
Fujo, dou susto, às vezes me escondo,
Mas sempre volto com algo de bom
Estou em obras, sou trabalho em construção
Pois tenho fome, sede e tesäo
De absorver, entender, aprender
E com labor, fé e simpatia,
Tudo isso em sucesso converter

Por: Dora

eu voltei....p/ ficar...


eu voltei, voltei p/ ficar
porque aki , aki é o meu lugar
da esbórnia me afastei
sem baladas me dediquei
me dediquei a estudar
agora amadureci
que nem mamão
embrulhado em jornal
e decide me dedicar
dedicar a estudar
foram 4 meses de atenção
só pensando na direção
e na produtora que abri
e sem esquecer minha primeira ação
a primeira experiência foi incrível
filmar e editar a ação do salvamento
conseguir homenagear os bombeiros
e tudo isso da janela de um apto
nem esforço foi necessário
acreditem agora que vou me empenhar
o produto final deverá agradar
acredito que num diretor me tornei
e finalmente vou começar a trabalhar
sem preocupação de muito dinheiro ganhar
porque agora nem a mana tenho que sustentar
ela com o Pantera se arrumou
e talvez a vida nababesca que sonhou
e eu voltei pro meu lugar
e vou me arriscar a trabalhar
espero em breve não me cansar
porque esta na hora de maturar
e das festas e cachaças preciso me afastar
quem sabe na Globo vou continuar
e meus filme s e vídeos vão mostrar

quarta-feira, 11 de novembro de 2009

nem velhas , nem bandidas



só senhoras mal educadas
li isto em um TT
e acho isso engraçado
sempre nos achei irreverentes
e as vezes pavio curto
mas nunca mal educadas
já li textos e mensagens
que detectam total falta de educação
e mesmo só com insinuações
falar um porra fere menos
do que palavras de humilhação
insinuar que se tomar banho
ou submergir em h2o
a sopa já esta pronta
essa foi a menor
por outras que li
me recuso acreditar
não sei bem quem é a moça
não privo de intimidade
só a conheço por noticias
ou pelo que assisti na casa
mas garanto que a ofendem
acho que nem tanto qto a Siri o foi
mas isso sim é que é muito feio
e se não é falta de educação
só sobra pra responsabilizar o carater
desse povo que se arvora
em acusador e justiceiro
esquecendo de olhar
pra o que fala e como ofende!

Mudar


Mudar, para melhor, para pior, por conveniência, por desistência
Mudar, para rever os conceitos, ou por ter visto o que foi feito
Mudar, para ver se a vida melhora e a cabeça de desenrola
Mudar, porque viu que a vida não é tão simples como se pensava
Mudar, e saber que foi a melhor decisão da sua vida
Mudar, e depois perceber que não era o que vc queria
Mudar, esquecer tudo que aprendeu um dia
Tantas coisas fazem você mudar de vida de idéia de atitudes
Não sabemos qual é o caso de muitos
Mas com certeza numa hora parou para pensar
E percebeu que da forma que estava levando não era a melhor
Percebeu que o que foi feito no passado não te dava mais alegrias
E deixar tudo como esta só lhe traria mais agonia
Ver que não era exatamente o que vc queria
Achou que o mundo lhe traria sempre o melhor
Mas na verdade as vezes lhe traz sempre o seu pior
Nem todos tem a felicidade de nascer com a estrela na testa
Alguns pelo contrario vieram para espiar alguma coisa na terra
Ou mesmo pagar por atos cometido em outras eras
A mudança é o livre arbítrio de cada um
Escolher o que lhe faz bem e o que lhe da mais prazer
Mudar é sempre algo bom
Porque vc esta tentando fazer mudanças na vida
E sempre é bem vinda quando necessita
Mas mudar por mudar sem explicação
Pra mim é virar a casaca por dinheiro, poder, ou ambição.

terça-feira, 10 de novembro de 2009

SERÁ...???


Amigo é coisa prá se guardar

dentro do peito...

assim falava a canção...


É, mas nem sempre é assim, pois existem amigos e amigos...


Judas era amigo de Jesus, com ele viajava e a sua mesa comia... por dinheiro e com um beijo o traiu.


Brutus era amigo de César, com ele convivia como filho de criação, e, por poder ajudou a matá-lo... “até tu Brutus”.


Iago, (que no Aurélio tem significado de indivíduo astuto, intrigante, falso, velhaco) era amigo fraterno de Otelo, por ciúmes e inveja, fez intriga de Desdêmona e ocasionou sua morte, desgraçando o amigo.

E muitos mais casos houveram...

é existem muitos amigos/inimigos, aqueles que se fazem de bonzinhos, que estão sempre junto aproveitando-se do “calcanhar de Aquiles” de alguém para se colocarem em evidência, para se aproveitarem de situações financeiras ou de “status”.

Com exceção de Jesus que sabia o que TINHA que acontecer, os outros quase sempre foram envolvidos por estratagema de pessoas de mau caráter, subservientes dispostos a se adaptarem a qualquer situação, melífluos, com péssimas intenções, visando o próprio proveito ou a degradação do outro, sempre buscando afastar de perto as pessoas verdadeiramente amigas do outro e que possam desmascará-lo.

Pessoas normais geralmente percebem tais movimentos e afastam tais indivíduos.

Porém, pessoas que necessitam de ser aduladas, paparicadas, enaltecidas por pequenos méritos são as que facilmente caem no enredamento e se deixam perder. Só vão perceber o quanto foram usadas e ludibriadas quando perderem o “status” ou o dinheiro, porque, aí, o amigo/inimigo vai ter partido para bem longe deixando-o só.

Por: Pandora - a nova

POR QUE?


Por que...

... de você tenho que saber?

... dos que estão com você quero e tenho que me aproximar?

... qualquer atitude sua tenho que repicar?

... o semblante cada dia mais sereno?

... o olhar cada dia mais brilhante?

... o sorriso cada vez mais lindo?

... tantos de você se acercam com amor e carinho?

... se sem mim assim não deveria estar?


Por que...

... as legiões que comigo deveriam estar se foram?

... nas manchetes não estou?

... não me fazem brilhar?

... gostam de me "zoar"?

... dizem que tenho que mudar?

... dizem que meu sorriso é triste?

... dizem que meus olhos são apagados?

... se estou onde quero estar?

... se estou com quem quero ficar?

... se danço sempre, danço sem parar?

... se sempre digo estar bem, não consigo bem estar nem demonstrar?

... onde foi que errei?

... onde me perdi, se sempre certo estou?

... dizem uns que é de raiva... não...

... outros dizem que é de inveja... não é não...

... se nem eu sei, se não consigo entender...

... como é que "os outros" vão querer adivinhar...

........


Devem ser tantos os por ques e as dúvidas,

que teima em não querer aceitar, que de longe só podemos lamentar e,

se possível, pedir para um anjo bom orientar e acompanhar.

E, enquanto o milagre não ocorrer continuaremos, de leve, a depenar.


Paz e bem a todos.


cegueta: Pandora - a nova

livefyre

JOGUINHO DAS BOLINHAS

Para se cadastrar no shoutbox

Esta é a URL no seu shoutbox:
http://NoeBengala.freeshoutbox.net/
Dar este endereço para seus amigos e começar a conversar

Shoutbox